JUBASU: Fevereiro 2012

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

A Explicação da 'Carne'

Olá pessoal.. Como estão?
A Paz do Senhor a todos....

Bom, um dos livros que comprei recentemente do autor Joshua Harris tem por título "Cave Mais Fundo" (sempre que repito o titulo dele lembro-me de meu primo Cenildo.. Vcs precisariam ver o gesto q ele faz para ler esse título.. rsrs). Ele trata sobre as verdades bíblicas da vida cristã e mostra como ter uma fé sólida. É excelente!!

E uma das coisas que me chamou bastante atenção em um dos capitulos, foi a ilustração que ele fez a respeito da nossa carne.. Gostei dos desenhos dele.. Pensei em digitalizar diretamente do livro para postar aqui o modo como ele explica, mas não deu.. Então, o que eu fiz?? TENTEI desenhar numa folha e assim poder digitalizar.. Reparem: TENTEI desenhá-los... Isso não significa q eu tenha conseguido, mas vamos lá... Ficaram até um pouco parecidos..... Entendam! rsrsrs..

Romanos 13.14 diz: "Revesti-vos do Senhor Jesus Cristo e nada disponhais para a carne no tocante às suas concupiscências". Esta ilustração foi feita quando Joshua estava preparando um sermão sobre Romanos 13.14, e começou a rabiscar algumas coisas em seu bloco de notas. De algum modo desenhou algumas caricaturas para tentar ilustrar o relacionamento do cristão com a carne. Seus filhos gostaram dos desenhos. Por isso, a ilustração seguinte é sua agradável explicação da "carne".

1. Isto é você. Ou nós. Somos humanos feitos à imagem de Deus. "E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra.E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou." (Gênesis 1:26-27). Mulheres, desculpem-me por identificá-las com um menino. Não sei por que ele está sem camisa. Foi assim que o desenhei.



2. Isto é a carne. É um tipo de lutador. A carne representa os desejos corruptos e pecaminosos de nosso coração. Não é uma referência a nossos corpos - nossos corpos foram criados por Deus e são bons. E, embora este meu desenho não possa explicar isso, a carne não é algo que está fora de nós ou apenas à parte de nós. A carne é o que somos sem Cristo. A carne representa nossos anseios pecaminosos de viver por nós mesmos e desobedecer às leis e aos mandamentos de Deus (Romanos 7).

3. Antes de Jesus salvar-nos, todos estamos relacionados desta maneira com a carne.A Bíblia diz que somos escravos de nossos desejos pecaminosos (João 8.34: "Jesus respondeu "Digo-lhes a verdade Todo aquele que vive pecando é escravo do pecado."). A nossa carne é o chefe. Ela nos controla. "Quanto ao ímpio, as suas iniquidades o prenderão, e com as cordas do seu pecado será detido" - Provérbios 5.22. Até as coisas boas que fazemos estão manchadas por pecado e egoísmo.

4. Isto é o que acontece quando cremos em Jesus. Pelo fato de que Jesus morreu na cruz e venceu o pecado e ressuscitou, somos livres do poder ou do domínio do pecado. Gálatas 2.20 diz: "Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim." O pecado não mais nos domina. ele não é mais nosso chefe. Você vê como a algema é quebrada? E ganhamos roupas, o que é realmente magnífico.

5. Mas nossa carne não desaparece. Ela não reina mais, mas ainda é uma realidade. Ainda perambula ao nosso redor para nos seduzir. Depois de nos tornarmos cristãos, não somos mais escravos do pecado, mas a carne ainda pode tentar-nos. Podemos decidir render-nos à tentação e satisfazer a carne. Jesus destruiu o poder do pecado, mas, até que estejamos no céu, ainda vivemos na presença e na influência de desejos pecaminosos. Não pense que isso é um beco sem saída. O Espírito Santo habita os crentes e nos capacita a dizer não à carne. Ele está agindo em nós, transformando-nos para sermos semelhantes a Jesus. "Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor." 2 Coríntios 3:18

6. Essa é a razão pela qual a Bíblia está cheia de encorajamentos para que combatamos nossos desejos pecaminosos. Não podemos viver em paz com a carne. Temos de atacá-la, negá-la, mortificá-la. "Porque, se viverdes segundo a carne, morrereis; mas, se pelo Espírito mortificardes as obras do corpo, vivereis" Romanos 8:13. Em discernimento tardio, acho que desenhar uma espada, do Espírito, teria sido mais bíblico. Ok! Bem, este é o "bastão" do Espírito.

7. O problema é que muito frequentemente os cristãos tornam-se amigos de sua carne. De fato eles a alimentam.  Isso é o que significa a expressão "dispor da carne". "Mas revesti-vos do Senhor Jesus Cristo, e não tenhais cuidado da carne em suas concupiscências" Romanos 13:14.
Alimentamos nossa carne quando fazemos coisas que estimulam ou fomentam nossos velhos desejos pecaminosos. Isso explica escolher vivermos como costumávamos viver. Ceder à tentação, abrigar pensamentos pecaminosos e gastar tempo com pessoas e lugares que celebram o pecado são como dar à nossa carne três refeições balanceadas ao dia, com salgadinhos e sobremesa. Podemos pensar: visto que fomos libertos pela cruz, não faz mal satisfazer à carne; mas isso não é verdade. E há um problema. Quando alimentamos a carne...

8. Nossa carne pode crescer! E, antes que o saibamos, a carne se torna maior e mais forte do que nós. Em seguida, ela começa a dominar-nos. Romanos 6.12 diz "Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para lhe obedecerdes em suas concupiscências". Essa é a razão por que até os crentes genuínos, que não estão mais presos pela algema do pecado, podem sentir-se como se a sua carne os estivesse ameaçando. "Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará.Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas o que semeia no Espírito, do Espírito ceifará a vida eterna." Gálatas 6:7-8.
É por isso que Paulo nos diz em Romanos 13.14 que precisamos...

9. Matar de fome a nossa carne. Isto é o que desejamos que a nossa carne seja. Queremos que nossa carne seja magra e fraca. Não devemos jamais esperar que ela se vá completamente enquanto Jesus não volta e nos livrar da presença do pecado. Até uma carne fraca e doente pode tentar derrubar-nos.. "Aquele, pois, que cuida estar em pé, olhe não caia." 1 Coríntios 10:12. Mas quando não alimentamos a carne é mais fácil resistir à tentação e andar em obediência.



Preciso dizer novamente que um dos problemas de minhas caricaturas, diz Joshua Harris, é que elas podem dar a impressão de que a carne é uma força exterior que está sempre nos atacando. Mas ela é chamada de pecado interior porque está em nós.
A realidade do pecado remanescente deve levar-nos a andar humildemente, a viver em dependência de Deus, a procurar a ajuda de outros crentes. A verdade é: podemos ser enganados. Nossos motivos não são perfeitamente inocentes. Precisamos que o poder do Espírito e a Palavra do Senhor penetre em nossos corações, para que possamos dizer igual o salmista Davi: "Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti." Salmo 119.11.

Espero que tenham gostado da ilustração...
Que o Senhor nos abençoe...

Deivid Azevedo!

HARRIS, Joshua. Cave mais fundo: o que você acredita? por que isso importa? / Joshua Harris ; [tradução Editora Fiel]. --São José dos Campos, SP : Editora Fiel, 2011.
Páginas da ilustração - 236 à 240.

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Bons Olhos

Booa Noite queridos irmãos em Cristo e visitantes do blog JUBASU'
Mais uma postagem hoje, começando com um diálogo entre nós... O que você vê quando olha para uma pessoa? Você focaliza as faltas e as fraquezas ou se concentra em algo digno de apreciação? Quando você valoriza o que existe de melhor nas outras pessoas, elas em retorno lhe darão o melhor no relacionamento.


A parábola do filho pródigo mostra que "vinha ele ainda longe quando o seu pai o avistou". Como estava o pródigo? Certamente sujo, maltrapilho, cabeludo, barbudo, deprimido... Mas o pai viu nele o filho que voltava. Por isso "correndo, o abraçou e beijou" (Lucas 15.20). O filho que ficara em casa teve uma visão diferente do irmão que chegava; ele o viu como alguém que havia desperdiçado os bens da familia com meretrizes, e que agora voltava de mãos vazias. O irmão viu apenas as imperfeições do pródigo; o pai, porém, viu as qualidades e as possibilidades do filho que voltava. É possivel que a visão do irmão mais velho tivesse muito a ver com a visão que ele tinha de si próprio.

O que vc vê quando olha para si mesmo? Você focaliza as suas limitações ou concentra-se nas suas possibilidades? A qualidade da sua vida depende, em grande parte, de como você se examina e da expectativa que você tem de si próprio.
O que vc vê ao considerar um trabalho ou um projeto que deve ser feito? Você se focaliza nos obstáculos e nas desculpas por nem sequer tentar realizar; ou você se concentra na singular oportunidade que se apresenta? A atitude com que você aborda o seu trabalho fará uma significativa diferença nos resultados que vc obterá.
Veja o melhor, espere pelo melhor e como resultados vc irá tirar o melhor de si mesmo, dos outros e das circunstancias ao seu redor.

Em seu famoso discurso "Eu Tive um Sonho", Martin Luther King Jr. falou sobre um dia em que as pessoas seriam julgadas, entre outras coisas, segundo o seu caráter.
Como homens e mulheres cristãos, devemos empreender tudo o que for possível para promover a unidade entre todas as pessoas - irmãos na igreja, parentes, vizinhos, colegas de trabalho, pessoas de outras religiões, de outras raças, e assim por diante. A Bíblia é clara: o amor não pode coexistir com atitudes de ódio ou suposta superioridade.
Jesus nos manda levar o evangelho a todas a nações e a todos os povos. A Bíblia ordena que amemos o nosso próximo como a nós mesmos. Isto significa que devemos levar o evangelho àqueles que estão fora de nossos círculos raciais e éticos e tratá-los com o mesmo amor que temos para com nós mesmos. Será que os nossos corações estão abertos a isso? Reflitamos....

E que o nosso grandioso Deus nos abençoe.

Deivid Azevedo..!

Se por acaso vc quiser ver o artigo do Martin Luther King, ele se encontra neste link: EU TIVE UM SONHO. Formato: pdf.

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Teologia de Caminhoneiro

Boa Tarde e a Paz do Senhor, meus queridos irmãos... Essa é uma das reflexões da minha Bíblia.. Achei muito interessante... Espero que vcs tbm gostem...


Em uma parada de caminhões, Gordon Clinard foi atendido por uma garçonete de aspecto rude que tinha uma tatuagem no braço onde se lia: "Charlie". Então ele perguntou:
- E aí, como está o Charlie?
- Hein? - ela disse, sem entender.
- Como está o Charlie?
- Ah, foi há muito tempo - ela respondeu. - Eu estava doidona e já era tarde da noite... nunca mais o vi. Agora sou casada com um homem maravilhoso chamado Richard. Somos casados há dez anos.
- E o que o Richard pensa sobre o Charlie? - insistiu Clinard.
- Desde a primeira vez que expliquei, ele nunca mais voltou a falar no assunto - ela contou. - Acho que ele nem vê mais essa tatuagem.

É dessa maneira que Cristo ama a Igreja. Ele não nos ama apenas se formos perfeitos. O amor de Jesus sobre os nossos pecados, e a partir daí, Deus não os vê mais. Os maridos também têm o dever de amar as suas esposas, como elas são. Mesmo que você ache que sua mulher fala muito ou é um pouco autoritária (rsrsrs), o seu papel é amá-la sem críticas, comparações ou abusos.

Uma das maiores causas do divórcio é o cultivo das expectativas irreais. Um dos cônjuges (ou ambos) esperava perfeição do outro na época do casamento, e como essa perfeição não aconteceu, decidiu não investir mais na relação. Todo mundo tem defeitos, ainda que tenhamos a tendência de nos referir aos nossos como "jeito de ser". Quanto mais cedo você reconhece os erros que você comete com sua esposa, mais rápido se resolvem os problemas conjugais e se aparam as arestas no casamento.

Todas as pessoas pecam. A unica diferença entre o cristão e o não cristão é que o pecador que tem Cristo recebe o perdão. Deus não esperou que nos tornássemos perfeitos para só então nos estender a sua graça. Em vez disso, Cristo nos amou e morreu por nós enquanto ainda éramos pecadores (Romanos 5.8).
Jeremias ansiava pela vinda de Cristo, quando a lei, escrita em placas de pedra, seria gravada no coração dos seres humanos (Jeremias 31.31-34). Nós, que temos aquela lei gravada em nossos corações, também temos Cristo, que é o próprio cumprimento daquela lei. Assim, quando Deus olha para nós, não vê mais a imensa e horrorosa tatuagem de nosso pecado. Ele só vê seu filho.

Reflita: Quem poderia ser beneficiado se eu deixasse de olhar para o pecado dessa pessoa e passasse a vê-la com amor?

Deus nos abençoe...

Deivid Azevedo!

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Cumpra com suas promessas

Boa Tarde pessoal.... A Paz do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo esteja com todos vocês!
Você já fez promessas a alguém? Todos nós já fizemos né? rsrs.. Cumpriu? hum...
O escritor Mark Moring escreveu o seguinte pequeno texto para reflexão, e tem por título: Mas, papai, o senhor prometeu! Vamos ler:

Era tarde da noite, e meus filhos pequenos, Peter e Paul, já estavam na cama havia, pelo menos, uma hora. Minha esposa e eu tínhamos acabado de chegar de nosso grupo de estudo bíblico. Entrei em silêncio no quarto dos meninos para desejar boa noite.
- Papai, eu posso tomar um pouco de sorvete?
- Não, Peter, já é muito tarde. Está mais do que na hora de dormir.
- Mas, papai, o senhor prometeu!
Ele tinha razão. Peter havia pedido sorvete mais cedo, mas não tínhamos em casa. Eu havia prometido: "Mais tarde eu trago sorvete para você."
Chegou a hora do jantar. Depois, limpamos a cozinha e os meninos pegaram seus brinquedos. A pessoa que cuidaria dos meus filhos chegou. Eu e a minha esposa saímos para o estudo bíblico. E eu me esqueci totalmente do sorvete.
Mas Peter não tinha esquecido. Por isso, embora já passasse das dez da noite, eu entrei no carro, fui até a loja de conveniência, comprei um pote de sorvete e voltei correndo para casa. Eu e Peter saboreamos juntos aquela bola de sorvete sabor baunilha e chocolate. Afinal de contas, eu tinha uma promessa a cumprir.
.-.

Agora estou prestes a ir pelo caminho de toda a terra. Vocês sabem, lá no fundo do coração e da alma, que nenhuma das boas promessas que o Senhor, o seu Deus, lhes fez deixou de cumprir-se. Todas se cumpriram; nenhuma delas falhou. 
Josué 23.14

FOQVDQIF - aquelas letras imensas dominavam a parede atrás da mesa de um coronel do exército. Elas serviam como um lembrete: "Faça O Que Você Disse Que Iria Fazer."

Da mesma forma, nós, homens, devemos andar de acordo com aquilo que falamos. Nossa integridade (ou a falta dela) revela a profundidade de nosso relacionamento com Jesus, que nos disse: "Ninguém que põe a mão no arado e olha para trás é apto para o reino de Deus." (Lucas 9.62). O problema com a integridade não costuma ter relação com a nossa intenção de fazer a coisa certa. Apenas nos falta a persistência para manter esse objetivo até o fim. É difícil entrar no carro tarde da noite para manter uma promessa feita a uma criança. Mas o dano que representa deixar de fazer aquilo por um menino ou uma menina que está de olho para ver se fazemos o que dizemos a respeito de nós mesmos - assim como o nosso Deus - é muito grande.

Será que há alguma promessa não cumprida em sua vida neste momento?

Lembre-se: "As promessas podem atrair amigos, mas são as ações que os nutrem e os mantém", Owen Feltham - escritor.

Deus o abençoe.

Deivid azevedo!

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Ele Entregou a Vida por Mim

"Como água me derramei, e todos os meus ossos estão desconjuntados. Meu coração se tornou como cera; derreteu-se no meu íntimo."
Salmo 22.14

     Durante um grande desfile para os veteranos do Vietnã realizado em Chicago, nos Estados Unidos, um deles foi entrevistado diante do memorial de guerra. O apresentador do noticiário perguntou a ele por que resolveu ir a Chicago para participar do desfile. O soldado, com lágrimas nos olhos: "Por causa desse homem aqui." Ele apontava para o nome de um amigo gravado no painel. "Ele entregou a vida por mim." Ao fim da reportagem, o soldado continuava soluçando, enquanto desenhava o nome no painel com o dedo.

     No culto memorial que chamamos Ceia do Senhor, dizemos, maravilhados: "Ele entregou sua vida por mim! Sem pecado algum, o Filho de Deus morreu em meu lugar." Essa é a mensagem central da fé cristã: "Porque Deus tanto amou o mundo..." As pessoas eram tão importantes para Deus que Ele providenciou para que seu Filho Jesus morresse no lugar de gente que merecia a morte eterna. Ele pagou pelos pecados de pessoas que não mereciam, como você e eu, de modo que pudéssemos encontrar a liberdade.

     Antes que muitos de nós nos tornássemos cristãos, já tínhamos essa sensação de que a vida não se limitava a questões como dinheiro, poder ou sexo. Só não sabíamos dizer qual era o significado verdadeiro.
     Em algum lugar do caminho, descobrimos que o nosso propósito na vida era o de servir a Deus. E cada um de nós teve de confrontar o amor divino, demonstrado na morte de Jesus, o Cordeiro de Deus, em uma cruz romana. À medida que olhamos para seu corpo ensanguentado, não tivemos mais nenhuma dúvida em nossas mentes. Jesus não apenas morreu: Ele entregou a sua vida por mim.. Finalmente passamos a entender o que Davi quis dizer quando declarou: "Desde que nasci fui entregue a ti; desde o ventre materno és o meu Deus" (Salmo 22.10).
     O amor divino é um amor ativo que nos acompanha na pessoa do Espírito Santo. O amor de Deus por nós é tão abrangente que não precisamos sequer compreende-lo; basta aceitá-lo.

Deus te abençoe!!

Deivid Azevedo.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Minha Comunhão com Deus



XIV Encontro para Consciência Cristã - Campina Grande / Pb..
Desta vez a pregação do Pastor Jorge Noda... Que o Senhor nos abençoe!

Texto base João 17:17-23: "Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade. Assim como me enviaste ao mundo, eu os enviei ao mundo. Em favor deles eu me santifico, para que também eles sejam santificados pela verdade. Minha oração não é apenas por eles. Rogo também por aqueles que crerão em mim, por meio da mensagem deles, para que todos sejam um, Pai, como tu estás em mim e eu em ti. Que eles também estejam em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste. Dei-lhes a glória que me deste, para que eles sejam um, assim como nós somos um: eu neles e tu em mim. Que eles sejam levados à plena unidade, para que o mundo saiba que tu me enviaste, e os amaste como igualmente me amaste."

Você pode afirmar que a sua vida de comunhão com Deus está espetacular, como nunca esteve? Pode afirmar que a sua vida profissional glorifica a Deus? Seus colegas de trabalho podem dar testemunho de que você é uma pessoa diferente? Deus está feliz com você por você estar levando a palavra do Senhor às pessoas? Se você tiver respondido a todas essas perguntas, creio que tenha dito Não em muitas ou senão todas elas.. Não foi? Precisamos muito da graça de Deus. "... prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus." (Filipenses 3:14) Você tem tido esse desejo de buscar a Deus?
Certa ocasião, quando conversava com um jovem ateu, ele me disse algo que me deixou bastante pensativo.. Ele afirmou: "Eu creio no ateísmo porque aqueles que dizem crer em Deus não vivem como se Ele existisse." Tive que concordar com ele.. Tantas pessoas que hoje frequentam uma igreja evangélica e vivem com deslealdade, mentira, traição, têm uma vida sexual ativa, promíscua, em casa têm enfrentam problemas familiares, tantas outras coisas.. A realidade da sua vida é totalmente contrária ao que vemos na palavra de Deus. 
Uma coisa que eu tenho pensado muito ultimamente é em relação ao evangelismo.. Mas não a forma de evangelismo que vc deve estar pensando ai enquanto lê este post, e sim o EVANGELISMO DE CRENTES.. Temos que começar a pensar em evangelizar os crentes meus irmãos.. Precisamos nos certificar de que as pessoas convertidas na igreja, as que frequentam, conhecem e seguem de fato a palavra do Senhor.
Nós cremos que a palavra de Deus é a verdade? Se realmente cremos, então pare um pouco de ler e reflita / pense comigo: como deveria ser a minha vida hoje???
(...)
Nós cremos na existência de Deus? Voltando ao que o ateu disse, muitos deles não creem em Deus pelo simples fato de verem que aqueles que dizem crer não vivem como se Ele realmente existisse.. Não é algo para pensarmos mesmo?? Mais uma vez, reflitamos juntos: Se nós realmente acreditamos na existência de deus, onde está a nossa obediência, a nossa adoração a Ele?
"Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que surgiram coisas novas!" (2 Coríntios 5:17)
Hoje nós vemos uma geração que prefere gastar mais tempo no Facebook do que ficar na Presença de Deus. Tantas pessoas se preocupando com concurso tal, estudando o dia todo, todo dia.. Se você chegar numa pessoa e, quando ela estiver estudando, você perguntar se ela gosta disso, é bem provável que ela te responda: "- Não.. Estou estudando porq quando passar num concurso vou ter muito dinheiro, terei estabilidade, etc..." Mas não se preocupam em estudar a palavra de Deus.
E se cada um de nós se comprometesse a ganhar 1 (UMA) alma para Jesus durante todo o ano de 2012? Você já percebeu que nós estamos fazendo de tudo na vida menos aquilo que Jesus nos ordenou (fazer discipulos)??
Cada um de nós é um missionário para fazer a obra de Deus..

Onde você estiver.. Estufe o peito.. Respire fundo.... Fez??.. Agora de novo... Você já parou para pensar que daqui a algum tempo você dará um ultimo suspiro..?! E o que será que vai passar pela nossa cabeça??
É bom que olhemos para trás e digamos: Vivi cada dia da minha vida para a glória de Deus. "Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé." 2 Timóteo 4:7
Para que você e eu possamos dizer essas palavras, precisamos começar a nossa mudança hoje.. Não amanhã, não semana que vem.. Mas hoje... Busque mais a Deus, começando de agora.. ^^)

Deus te abençoe..

Deivid Azevedo!

domingo, 19 de fevereiro de 2012

Santidade, um tema em desuso?

Boa Tardeeee pessoal... A Paz do nosso Senhor e Salvador esteja sempre conosco...
Bom, continuando falando do XIV Encontro da Consciência Cristã aqui em Campina Grande - PB, hoje, domingo pela manhã, participamos de uma palestra com esse tema: SANTIDADE, um tema em desuso? Me chamou muito a atenção por isso escolhi assistir a esta palestra e, é óbvio, compartilhar com vcs também..
O palestrante foi o americano Jason Jimenez.. Um homem abençoado por Deus... Anotei tudo que tinha direito.. rsrs..
Vamos lá para as minhas anotações nesta palestra... Qe o Senhor nos dê o entendimento necessário da Sua Palavra.. ^^

"Exaltem o SENHOR, o nosso Deus, prostrem-se diante do estrado dos seus pés. Ele é Santo!" 
Salmos 99.5


Vamos começar com algumas perguntas a serem respondidas:
O que é Santidade?
Como podemos nos tornar santos?
Como vivemos como santos?

"Deus é mais glorificado quando nós estamos mais satisfeitos com Ele." Você concorda com esta frase? Claro que não né? As pessoas estão substituindo a santidade pelo próprio bem estar. Deus não deixa de ser glorificado em momento algum se você simplesmente não está satisfeito com Ele...
Infelizmente nós temos tido essa postura de não nos satisfazermos 100 % com aquilo que Deus nos tem feito e concedido.. Não é verdade?? Sempre estamos a questionar, sempre temos os nossos 'porquês'... -Deus, mas porquê isso? Porque aquilo? Porque assim? Porque 'assado'?

Vejamos o que diz em Êxodo 11.15: "Quem entre os deuses é semelhante a Ti, SENHOR? Quem é semelhante a Ti? Majestoso em Santidade, terrível em feitos gloriosos, autor de maravilhas?"
Não há como o nosso Deus. Isso nós podemos perceber diante da grandeza, das maravilhas que Ele tem operado no meio de nós. Não existe outro igual ao nosso Deus.

Santidade: sem pecado, divino, santo. Deus é completo e totalmente perfeito. Concordamos que Deus é Santo, mas seguimos fazendo coisas que aos nossos olhos aparentam serem santas, porém não para Deus. Nosso conceito de santidade está sendo mais deixado de lado, e pensamos que ao abrir mão de algumas pequenas coisas estamos sendo santos por isso.

1. Estamos na época do carnaval. Se eu digo NÃO ao carnaval, isso apenas, não quer dizer que estou sendo santo..
2. Precisamos dizer às pessoas qual é a coisa certa a se fazer. Precisamos orientá-las a não procurar fazer o mal, buscar uma vida de santidade ao Senhor, porém não apenas dizendo não aos 'grandes pecados' e se deixar levar pelos 'pequenos pecados'; para Deus não existe essa de tamanho de pecado, mas nós temos tido essa visão totalmente errada das coisas. Precisamos acima de tudo agir da maneira correta diante dos olhos de Deus para que seja percebido em nós uma forma de viver diferente.
3. Temos que buscar a aprovação de Deus. 

A santidade não pode ser ganha. Não é uma coisa que você pede a Deus e ele no mesmo momento diz: Toma, meu filho, ai está a tua santidade.. Não é assim que a banda toca.. Muitas das pessoas nunca se veem andando em santidade, por incrível que pareça.. Elas nunca se veem deixando de lado algumas coisas de sua vida para se tornarem pessoas santas.. Nós devemos sim, buscar alcançar a santidade.. BUSCÁ-LA.. Busque ser santo..

Deus nos escolheu para sermos santos.
"Porque Deus não nos chamou para a impureza, mas para a santidade." I Tessalonicenses 4.7.
Se Ele chamou a mim, se Ele chamou a você para ser santo, então devemos devotar a nossa vida para a santidade.
Para obtermos uma vida em santidade devemos seguir a Cristo todos os dias.
Jesus disse: sigam-me diariamente... Não disse: Sigam-me aos domingos.. ou, Sigam-me aos sábados.. ou, trazendo à realidade da Igreja Batista em Sumé: Sigam-me às quintas, sábados e domingos.. Não.. Jesus disse: Siga-me diariamente.. Todos os dias..

Muitas vezes nós queremos nos alimentar das coisas que o mundo tem a nos oferecer ao invés de querer nos alimentar da Palavra de Deus. Viver em santidade é uma escolha: queremos viver para o mundo, ou viver para Deus? Não dá para servir aos dois ao mesmo tempo. Ou você serve a Deus, ou serve ao inimigo; um dos dois.
Pergunte-se a si mesmo:
O que eu estou fazendo.. Eu estou levando as pessoas ao pecado ou a Deus?
Estou influenciando as pessoas porque eu sou santo ou porque não sou santo?
Na América vemos muitos cristãos, mas muitos deles, pode crer, não vivem para Deus.. Não são santos e muito menos buscam uma vida em santidade.. Se deixam influenciar pelas diversas coisas do mundo.. Seja pelo estilo de vida, pelas roupas, por objetos quaisquer.. Mas não vivem uma vida santa, e nem a procuram..

A santidade é mais ligada a satisfação do que a própria santificação. As pessoas procuram muito se sentirem satisfeitas..
1. Ame a Deus e não ao mundo -  1 João 2.15
2. Ame as pessoas que estão no mundo - Se você amá-las, não deixará de orar por elas.
3. Se preocupe com a salvação das pessoas ao seu redor - Se você ama seu próximo mais que a você mesmo, então estará cumprindo um mandamento. Se preocupe com a salvação delas..

Precisamos reconhecer que fomos salvos pela fé em Cristo e pela graça de Deus.. A salvação não é algo que fazemos.. Não é através das nossas obras que obteremos a salvação. E também não somos nós quem removemos os nossos pecados para nos tornarmos santos. Se você acredita no evangelho, você tem que viver esse evangelho. Durante quanto tempo nós gastamos acessando o Facebook, o Twitter, etc, ao invés de 'gastarmos tempo' com a palavra.. Gastar num bom sentido né?.. Lembre-se: Deus quer gastar tempo com você e comigo.. Busquemos mais ao Senhor.. Busquemos conhecê-lo mais e mais.. Nos aprofundarmos em seu conhecimento, na Sua palavra..

Louvado seja o Nosso Senhor.. Fiquem com Deus'

Deivid Azevedo

sábado, 18 de fevereiro de 2012

É Possível um Crente Fiel viver sem orar?

A Paz do Senhor, meus irmãos..
Pastor Hernandes Dias Lopes, um grande homem de Deus.. Trouxe uma grande mensagem na abertura da XIV Consciência Cristã, e encontrei esta mensagem dele no youtube, que me chamou muita atenção pelo tema..
Muitas vezes o crente acaba 'esquecendo' de orar.. Mas é possível um crente fiel viver sem a oração na sua vida? Na nossa igreja estamos com semanas de oração em foco.. e dos dias 20 a 24 de Fevereiro acontece a segunda semana de oração deste ano.. na Quinta a noite estaremos passando este audio do Pastor Hernandes...
Bom, ouçam esta mensagem, eu recomendo e tenho certeza q sua vida será muito abençoada..
E que o Senhor continue a nos abençoar...



Deivid Azevedo

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

A Postura da Igreja diante da Indústria Gospel

Olá, amados leitores deste espaço..
Diante das belíssimas mensagens que estamos ouvindo no XIV encontro da Consciência Cristã, em Campina Grande, venho compartilhar com vcs um pouco desta graciosa experiência..
Deus tem falado grandiosamente aos nossos corações neste lugar.. E esta palestra, ministrada pelo querido Pr. Paulo César, líder do Grupo Logos, abençoou muito a vida de inúmeras pessoas, e espero que abençoe a sua vida também.. Fiz questão de fazer minhas anotações para postar justamente aqui..
Uma Boa Leitura e que o Senhor abençoe grandemente...


A Indústria Cultural Gospel está sendo alterada. Estão substituindo o culto a Deus pelo show do artista gospel. Satanás está corrompendo as coisas. Nos ultimos tempos, os templos estão sendo alterados, transformados em verdadeiros palcos de teatro. Começamos a perder a apresentação do Deus vivo e estamos nos acostumando com as apresentações artísticas, as atrações da noite: é ministério de louvor se apresentando, é ministério de teatro se apresentando, é ministério de dança se apresentando, e o verdadeiro culto a Deus sendo deixado meio que de lado... Estão trocando a verdadeira adoração que deve ser feita na casa do Senhor por quem brada mais alto, quem dá mais amém na hora da pregação da palavra, quem enrola mais a língua e fala mais palavras difíceis de serem entendidas.
Ministério de Louvor: escolher o que deve ser escolhido ou o que vai agradar ao público? Estão sendo cantadas músicas sem conteúdo algum. É preciso olhar bem no que diz respeito a escolha de repertório para o Ministério de Louvor.
Lembre-se sempre que as pessoas têm o ouvido educado. Não dá para pegar uma estrutura de som de um show, por exemplo, e trazer para dentro da igreja. Não é preciso um som ensurdecedor...


Postura que a Igreja deve ter diante da Indústria Cultural Gospel


Podemos simplesmente citar quatro posturas que a Igreja diante da industria cultural gospel que estão ligadas entre si.. Veremos elas classificadas da ultima para a primeira..


4° - Assumir uma contextualização com essência na sociedade.
          Adorações, ministrações estranhas. Estude a palavra, para que no momento da ministração do louvor você saiba o que falar e não acabar se engasgando com as próprias palavras.


3° - Incentivar os crentes a um maior conhecimento e amor às escrituras.
          Viver o Evangelho. Tenha amor pela Palavra de Deus que você medita dia e noite. Aliás, MEDITE dia e noite nesta palavra.


2° - Cuidar com maior zelo da segurança dos arraiais.
          Não deixar qualquer um fazer o que quiser na Igreja. As vezes trazemos uma pessoa sem a conhecer de fato, sem saber quis são as suas obras. Esta é uma questão mais para o líder da Igreja do que para os membros, porém nós temos a nossa participação na obra de Deus, buscando também um maior zelo da casa do Senhor..


E em 1° - Não entregando o púlpito a qualquer um.
          Trabalhe no ensino, num aprofundamento maior do conhecimento da palavra. Muito a ver com o zelo da segurança dos arraiais.


Algumas igrejas estão tendo uma postura da forma correta, como deve ser mesmo, diante desta industria de comercialização, se é que podemos chamar assim. Porém muitos têm feito de forma errada, têm tomado uma postura de forma complicada.. Têm procurado tomar esta mesma postura que citamos aqui, porém numa ordem errada, do ultimo para o primeiro.. Têm esquecido da importância que é assumir uma contextualização com essência na sociedade. Se esquecem de que o estudo da palavra de Deus é importante para o crescimento espiritual da igreja, principalmente.


E que o nosso grandioso Deus nos cubra com suas bênçãos incontáveis..


Pr. Paulo César - XIV Consciência Cristã, Campina Grande PB


Deivid Azevedo.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Adoração de Ídolos



Pela obra do engano, da mentira, das trevas, muitas almas têm sido roubadas da sua comunhão com Deus e prestado um culto desagradável, abominável do qual o Senhor não participa e nem tem prazer. A bíblia nos ensina claramente que só devemos prestar culto ao Senhor nosso Deus e que quem faz ou adora imagens é maldito mesmo assim a cultura de nosso país insiste em ensinar costumes contrários a palavra de Jesus.


Temos compartilhado de questionamentos desse tipo, eu e o irmão Márcio Montilari, através do Facebook.. Em qualquer lugar do Brasil, principalmente, o costume de adorar aquilo que chamam de Maria mãe de Deus, é algo que já faz parte da vida de muitos, como se fosse uma parte deles... É notório que Maria foi mãe segundo a carne de nosso Salvador Jesus Cristo, mas em momento algum nas escrituras devemos orar, adorar ou fazer imagens de qualquer irmão nosso do passado, aliás Jesus repreendeu uma mulher que queria prestar homenagem a Maria:


"E aconteceu que, dizendo ele estas coisas, uma mulher dentre a multidão, levantando a voz, lhe disse: Bem-aventurado o ventre que te trouxe e os peitos em que mamaste. Mas Jesus disse: Antes bem-aventurados os que ouvem a palavra de Deus e a guardam." Lucas 11.27-28

Quer dizer que mais importante do que dar a luz a Jesus é ouvir a palavra de Deus e a guardar, por isso não deixe ninguém te conduzir pelo caminho das trevas, os idólatras não herdarão o reino dos céus.

Mateus 15:14 - Deixai-os; são condutores cegos. Ora, se um cego guiar outro cego, ambos cairão na cova.

Os guias cegos conduzem as pessoas ao caminho da morte, falam aquilo que lhes agrada e não chamam a conversão e mudança de vida de acordo com Jesus, outro ensino destes guias cegos que não são ministros de Deus mas sim ministros de Satanás disfarçados em anjos de luz é carregar imagens em procissão:

Isaías 45:20 Congregai-vos, e vinde; chegai-vos juntos, os que escapastes das nações;nada sabem os que conduzem em procissão as suas imagens de escultura, feitas de madeira, e rogam a um deus que não pode salvar.

Não adore imagens, não adore os nosos irmãos do passado, pois isso é abominação a Deus, só a Jesus seja dada honra e glória, todos eles foram homens mas Jesus é o Filho de Deus. Quer saber como agradar a Deus !? Estude a vida de Jesus e ore humildemente a Deus para ter entendimento !

Não se irrite contra a verdade, obedeça somente ao Senhor Jesus.

1João 5:21 Filhinhos, guardai-vos dos ídolos. Amém.


Deivid Azevedo

Não duvide em seu coração

"E tu, Cafarnaum, que te ergues até aos céus, serás abatida até aos infernos; porque, se em Sodoma tivessem sido feitos os prodígios que em ti se operaram, teria ela permanecido até hoje." 
Mateus 11:23


Em Romanos 8.33-37, Paulo não escreveu que somos vencedores... Disse que somos mais... Repito: somos mais do que vencedores! Isso quer dizer o quê? Nós temos a vitória nas mãos antes de sair para guerrear. Nada pode nos condenar, porque é Deus quem nos justifica. Cristo ressuscitou e está à direita do Pai intercedendo por nós. Diante dos perigos que nos ronda, da angústia que tenta nos assaltar, e até perante alguns que se comportam como predadores e queiram nos arrastar aos matadouros feito ovelhas, em todas essas terríveis tribulações somos mais do que vencedores.

A dúvida talvez vagueie a mente do cristão atribulado, mas jamais deverá ser aceita. Quando existe a rejeição da incerteza, colocando-a em confronto com a Palavra de Deus, a fé se sobrepõe à interrogação.

E em simultaneidade, durante a briga da fé com a dúvida, que também é a luta da carne contra o Espírito, o monte de problemas é removido, segundo a ordem expressada pronunciando o nome que tem toda autoridade, que é o nome de Jesus.

A luta da dúvida, querendo entrar em nosso coração, é uma batalha que já vencemos quando Jesus Cristo ressuscitou. Basta não desanimar para que sintamos o gosto da vitória, que não precisamos nos esforçar para conquistar, porque o Filho de Deus já fez tudo em nosso lugar.

Este é o meu testemunho aqui: já recebi muitas bênçãos enquanto rejeitava a dúvida. Ela não estava ausente quando me vi e fui reconhecido mais que vitorioso. Então, diante da dúvida, não pense que fracassou. Não desanime, não cruze os braços, examine as Escrituras e pratique a Palavra de Deus no tocante ao problema que estiver passando. Fazendo isso, a vitória que já está presente em sua vida o envolverá você plenamente e todos em sua volta observarão e testemunharão: Olhe ali aquela pessoa, ela é alguém muito mais do que feliz, ela é muito mais do que vencedora!
.

E.A.G.
Administração UBE Blogs

Deivid Azevedo!

sábado, 11 de fevereiro de 2012

José - Um Homem que fugiu da Tentação

"Ela o agarrou pelo manto e voltou a convidá-lo: 'Vamos, deite-se comigo!' mas ele fugiu da casa, deixando o manto na mão dela." 
Gênesis 39.12



José chegou ao topo. Toda vez que tinha de lidar com algum tipo de tentação, ele prevalecia. José era o penúltimo filho de Jacó, mas o primeiro nascido da esposa favorita do pai, Raquel. Ele teve dois sonhos importantes. Não sabemos como contou aos irmãos esses sonhos, nos quais todos se curvavam diante dele; de qualquer forma, eles o odiaram por causa disso.
Certo dia, o pai enviou José para ver como estavam os irmãos em Siquém , mas eles não aguentavam mais os seus sonhos e a sua condição de filho favorito., por isso o jogaram dentro de um poço. Embora tivessem planejado matá-lo, acabaram vendendo José a mercadores. Aos dezesseis anos, ele foi levado a centenas de quilômetros de distância até o Egito, onde se tornou escravo. A maioria das pessoas naquela situação teria se sentido no direito de assumir certa amargura, mas não José. Ele era um trabalhador de valor. Por isso chegou ao topo.
Ele "era atraente e de boa aparência" (Gn 39.6). Estava a cerca de quinhentos quilômetros de casa e era um rapaz solteiro. Era o tipo perfeito para uma pessoa como a esposa de Potifar. Ela o perseguia "dia após dia" (Gn 39.10), mas José continuava dizendo "não". Quando ela tentou pela última vez (Gn 39.12), agarrando-o pelas vestes, ele saiu correndo, deixando a roupa para trás.
A recompensa pela sua boa conduta foi a prisão. Mesmo lá, José chegou ao topo. Com o tempo ele teve a sua oportunidade quando os especialistas egipcios não conseguiram interpretar o sonho do faraó. O chefe dos copeiros da corte se lembrou do dom de interpretação de sonhos de José (Gn 41.9-13). No entanto, José não tornou para si o crédito pelas interpretações; ele reconhecia que só Deus era capaz de lhe conceder aquele dom (Gn 41.16).
O faraó fez de José o vice-presidente do país (Gn 41.33, 37-44). Vinte anos depois, quando os irmãos de José foram ao Egito para comprar comida, eles não o reconheceram. José, porém, os conhecia. Ele impôs sobre os irmãos algumas provas para saber se haviam mudado desde que o haviam vendido como escravo, mas resistiu a tentação de retribuir o mal que tinham feito. Quando José contou aos irmãos quem era, eles temeram por suas vidas. Contudo, ele demonstrou um perdão sincero.
José foi tirado de casa e vendido como escravo; foi alvo de sedução na casa de Potifar; e sofreu em uma casa de detenção - mesmo assim, permaneceu fiel ao Senhor. Ele triunfou sobre a tentação.

Deus abençoe...

Deivid Azevedo!

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Batismo com Espírito Santo X Falar em linguas estranhas

              



               Meus queridos, estava eu lendo esses dias o livro de I Coríntios e li a respeito dos ``dons espirituais``, neste momento me veio a mente algumas lembranças que vivenciei quando visitei uma igreja onde ouvi varias pessoas falar em ``linguas estranhas``,  no momento achei esquisito, pois realmente não senti a presença de Deus naquele momento, quero deixar claro que não estou jugando quem falou, e nem muito menos duvido dos dons espirituais de que a biblia trata... Mas enfim, comecei a pesquisar sobre o assunto, pois lembro-me que conversei com um irmão assembléiano e ele me disse que devemos procurar o batismo com o Espirito Santo, e disse que só quem era batizado com o Espirito Santo poderia falar em ``linguas``. Não concordei com o irmão, mas não entrei em discussão, apenas fui para casa e orei ao senhor.
               Vejamos como a Bíblia ensina:
“Em um só Espírito todos nós fomos batizados em um corpo, quer judeus, gregos, escravo ou livre, e a todos nós foi dado a beber de um só Espírito.”(I Co 12.13).Veja o contexto de todo o capítulo 12 de I Coríntios. O texto deixa claro que todo crente quando recebe a Cristo e entra no corpo de Cristo, a Igreja (Ef1.22,23) é batizado com o Espírito Santo na hora da conversão.A Bíblia não manda em nenhuma Parte você buscar o Batismo com o Espírito Santo.
             Em Atos 2.4 diz: “Todos foram cheios do Espírito e falaram em outras línguas. A passagem diz que foram “Cheios” (cheios por derramamento), não diz batizados e as línguas faladas foram entendidas pelos ouvintes,por que os crentes daquela época sabiam usar o dom do modo correto é tanto que o texto diz que os homens judeus e prosélitos de outras nações perguntavam: “Não são galileus todos esses, porque pois os ouvimos na nossa língua materna falar (não diz gritar) as grandezas de Deus”(At 2. ). É claro que aquelas línguas de Atos eram conhecidas pelos que as ouviram e entenderam, pois aquelas linguas eram linguas humanas.                 
                 
Essas línguas eram línguas humanas que foram compreendidas, as línguas faladas hoje ninguém entende, nem o que fala, como já vimos acima, em I Co 14 fala como usar o dom de línguas e muitos hoje agem tal qual os fariseus da época de Cristo que preferem seguir tradições de igreja do que a Bíblia. Quando Os anjos vieram aqui como mensageiros as pessoas entenderam a linguagem deles.”Ja nao te chamarás Jacó,porem Israel”(Gn32.28). “O Senhor é contigo homem valente” o anjo falou e Gideão entendeu,pois respondeu: “Se o Senhor é conosco, por que nos sobreveio tudo isto”(Jz 6.12,13). “Salve cheia de favor divino; eis que conceberás e darás a luz um filho, a quem chamarás Jesus” o anjo Gabriel falou e Maria entendeu, pois respondeu Como será isto pois sou virgem”.(Lc 1.28,31,34)> Jacó, Gideão, Maria e outros entenderam quando os anjos falaram. Que linguas dos anjos são estas que ninguém entende? Alguém pode me explicar? Não me venham com conversa mole que é mistério, pois as coisas que Deus queria revelar estão ao nosso dispor (Dt 29.29).
                   Houve também no dia de pentecostes línguas de fogo e pousou sobre cada um deles, também o som de um vento que veio do céu, não foi nenhum apóstolo que soprou em microfone não. Não vemos línguas de fogo sobre os que estão nos cultos pentecostais, nem som de vento vindo do céu, vez por outra aparece um amostrado para soprar no microfone, mas som vindo do céu não se vê. Quer saber porque não ocorre essas duas coisas nos pentecostais? Porque na maioria dos casos é pura ENGANAÇÃO .Se é para seguir pentecostes, nós estamos bem á frente, pois o efeito de pentecostes foi Pedro Pregar e quase três mil aceitarem a Cristo(At 2.37-39), não a apelos fanáticos de pregadores religiosos sem nada por dentro, nem mesmo testemunho por fora.
                  Devemos pregar a Cristo, alguns pregam a denominação e falam mal que outra igreja é fria porque não faz barulho, porque não gritam ou porque não tem o ``fogo do pezinho``. É isso que é ser crente de fogo? Esse fogo de palha eu não quero pra mim. Ser Cheio do Espírito não é gritar, não é bater o pé, é sim viver o Evangelho. Ser cristão autêntico é saudar o irmão na frente e por trás não dizer que o mesmo não é crente.
                       

Graça e Paz à todos, e peço que deixem suas opiniões sobre o assunto. 
                  
MÁRCIO MONTILARI




terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Nova Camisa - JUBASU 2012'

Olá pessoal..
A Paz do Senhor!!
Bom, ano novo, camisa nova neh?! rsrsrs
Para isso tenho três opções para vocês escolherem...
Uma verde lodo com o nome"Vou Seguindo na Contramão do Mundo";
Outra azul com o nome "Sou Peregrino Neste Mundo";
E outra Rosa com mesmo tema...

Vejam:

OPÇÃO 1 - Clique para vê-la maior

OPÇÃO 2 - Clique para vê-la maior

OPÇÃO 3 - Clique para vê-la maior


Procurem-nos o quanto antes para reservar a sua..
Queremos fazê-la para o Aniversário da Igreja, que será em Março/2012...
O valor será na faixa de uns R$ 20,00, assim como foi as outras, beleza??
Logo ali do lado tem uma enquete, vote em qual camisa você achou mais bonita.. ^^)
Dependendo da cor que vcs queiram, faremos até duas diferentes, certo???

Fiquem com Deus....

Deivid Azevedo!

Eli - Um Homem que não soube Disciplinar

"Eli, já bem idoso, ficou sabendo de tudo o que seus filhos faziam a todo o Israel e que eles se deitavam com as mulheres que em bandos se ajuntavam à porta da tenda da congregação." 
1 Samuel 2.22


Por quarenta anos, Eli cumpriu sua obrigação. Dia após dia, ele trabalhou fielmente como sacerdote e juiz. Foi responsável por várias tarefas no Tabernáculo em Siló, local onde, por cerca de trezentos anos, a tenda móvel de adoração de Israel permaneceu instalada. Ele também tinha um aprendiz sob sua orientação, Samuel, a quem ensinou como ouvir a voz de Deus (1 Samuel 3.2-9) e se preparar para ser um sacerdote.

Em seu sacerdócio publico, Eli conseguiu uma nota na média, suficiente para passar, mas sua vida pessoal foi um grande fiasco porque ele errou na disciplina dos filhos. A disciplina é um ingrediente necessário no discipulado. Não há como seguir na vida sem tem alguém a quem prestar contas. A questão não é de opção. Como diz 2 Timóteo 4.2: "... repreenda, corrija, exorte com toda paciência e doutrina."Os filhos de Eli não eram apenas indisciplinados; eles também eram maldosos (1 Samuel 2.12). Desafiavam abertamente as regras relacionadas aos sacrifícios com carne de animais (1 Samuel 2.13-17) e ameaçavam agredir as pessoas que não lhes entregassem o que eles pediam (1 Samuel 2.16). Eles roubavam os primeiros cortes da carne, que pertenciam a Deus. Eles seduziam as mulheres que trabalhavam às postas do Tabernáculo (1 Samuel 2.22).

Eli era uma pessoa dócil demais, por isso não conseguia controlar os filhos. Ele foi apropriadamente sensivel diante da angustia emocional de Ana (1 Sm 1.12-18), mas passou da conta na hora de lidar com o comportamento dos filhos (1 Sm 2.22-25). Quando se trata da criação de filhos, o autoritarismo é tão inaceitável quanto a apatia. Por isso, Deus teve de confrontar o sacerdote que não era capaz de confrontar seus filhos perversos (1 Sm 2.27). Um profeta procurou Eli e disse a ele que os dois rapazes morreriam no mesmo dia (1 Sm 2.34).

A frouxidão de Eli em relação à vida também se revelava em seus hábitos alimentares, pois o profeta estava muito acima do peso (1 Sm 4.18). Por causa de sua obesidade, ele sofreu uma queda que lhe foi fatal (1 Sm 4.18). El, a palavra em hebraico que significa "Deus", fazia parte do nome de Eli, mas o velho sacerdote precisava de uma dose mais forte de Deus no que dizia respeito à questão da disciplina.

Até que ponto você consegue influenciar a vida de seus filhos, desde a recomendação para que comam vegetais e durmam cedo até a orientação para que se fortaleçam tanto física quanto espiritualmente? Ouse disciplinar.

Que Deus te abençoe.!

Deivid azevedo!

Gideão - Um Homem com Grande Potencial Oculto

"... o Espírito do Senhor apoderou-se de Gideão..." Juízes 6.34


Já aconteceu de você ser o ultimo sujeito escolhido para uma partida de futebol?
Tentou mostrar que era forte fazendo flexões diante dos amigos, mas cansou logo no inicio e passou vergonha?
Teve de levar para casa um bilhete de advertência da escola?

Cada uma dessas experiências deve ter feito você se sentir mal, inferior mesmo. A fraca autoestima constituia um problema pelo qual Gideão lutou até que o Espírito de Deus se apoderasse dele (Jz 6.34) e transformasse o potencial que aquele homem ocultava.
Antes disso, Gideão se sentiu aflito, biscando desculpas para não se tornar um líder (Jz 6.15). Primeiro ele tentou se afastar. Reclamando de como Deus estava ignorando os ataques constantes do inimigo (6.1-3), os quais estavam destruindo as colheitas dos israelitas (6.4), ele se queixou "... se o SENHOR está conosco, por que aconteceu tudo isso?" Em seguida, Gideão tentou tirar o corpo fora, alegando que era "o menor" de sua familia e membro de um dos clãs menos importantes de sua tribo (6.15).
A resposta de Deus foi esta: " O SENHOR está com você, poderoso guerreiro" (Jz 6.12). Não se tratava de uma piada. Deus estava despindo Gideão de sua tendência a autodesvalorização, o que encobria seu potencial.
Assim, Deus deu a Gideão um estranho plano de batalha. Para começar, as chances de prevalecer contra 135 mil inimigos com apenas 32 mil soldados eram tão poucas que pareciam prometer um massacre total. No entanto, Deus pegou aquela proporção de 4 para 1 e começou a reduzi-la. Depois de cortar 22 mil soldados das fileiras israelitas, ele foi dispensando mais gente até que a proporção passasse a 45 para 1.
Depois, Deus tirou deles todas as armas, permitindo apenas que carregassem trombetas e tochas (Jz 7. 16-22). Contudo, pelo que sabemos a partir de 1 Corintios 1.18, Deus usou esses instrumentos tal como usaria a "loucura" da morte de um homem em um instrumento de tortura romano para derrotar Satanás. Como os jarros que os soldados de Gideão quebraram no chão, também devemos ser quebrados de modo que a luz da glória de Deus possa brilhar.
Infelizmente, Gideão concluiu o ultimo capitulo de sua vida de uma maneira indigna. Ele foi sábio ao negar a realeza (Jz 8.23); mesmo assim, não conseguia resistir às manifestações de gratidão na forma de presentes. Com eles, fez para si um éfode (antiga vestimenta feita de linho fino, carmesim, estofo azul, ouro e púrpura que continha os nomes das doze tribos de Israel e era utilizada pelo sumo sacerdote ao apresentar-se a Deus no Lugar Santo do templo) que os israelitas adoraram. Isso se tornou uma "armadilha" para Gideão e sua familia (Jz 8.27).

Assim como Gideão, nossa fraqueza pode ser usada por Deus para confundir os poderosos. Mas também precisamos nos dar conta de que, não importa como somos usados, toda a glória pertence a Deus (Ap. 19.10).
Que o Senhor te abençoe!

Deivid Azevedo!

domingo, 5 de fevereiro de 2012

Abraão - Um Homem que viveu pela Fé


Já aconteceu de você perder um emprego no qual estava havia muito tempo e se sentir como se estivesse completamente perdido? Já recebeu um diagnóstico de câncer? Se você já passou por esse tipo de sensação de falta de um norte, então consegue imaginar o que Abraão sentiu há 3 mil anos, quando foi orientado a se mudar para um lugar que não conhecia. Ele deixou Ur (Gn 11.31), que não era nenhum lugarejo, pelo contrário. Era cercado por muros muito largos, talvez tivesse meio milhão de habitantes, banheiros internos, casas de quinze cômodos - até mesmo jogos de mesa. Mas por acreditar na palavra de Deus, Abraão estava disposto a se mudar para um lugar a mais de 1,5 mil quilômetros de distância.

Segundo a Bíblia, a única maneira de se chegar a Deus é confiando naquilo que Ele diz. Quanto a isso, Abraão é "pai de todos nós [os que cremos]" (Rm 4.16). O primeiro uso da palavra "crer" na Bíblia se refere a Abraão (Gn 15.6). Contém três conceitos bíblicos fundamentais:
1) Confiança ("Abraão creu no Senhor...")
2) Reconhecimento ("... e isso lhe foi creditado") e
3) Justiça ("... como justiça")

Em Gênesis 12.1-3, a palavra "bênção" e suas variações são usadas quatro vezes. Deus abençoou Abraão em termos quantitativos, pois, por volta de 1950, apesar do Holocausto, ele já tinha mais de 16 milhões de descendentes. Deus também o abençoou em termos qualitativos. Albert Einstein (cientista), Sandy Koufax (jogador de beisebol) e Barbra Streisand (cantora) têm alguma coisa em comum. Essas pessoas tão importantes fazem parte da árvore genealógica de Abraão.

A confiança é submetida a provas. O maior teste que Abraão teve de enfrentar foi a ordem dada por Deus de matar o filho que lhe fora prometido, e por meio do qual o próprio Senhor prometera lhe dar milhões de descendentes (Gn 15.5; Hb 11.12). Abraão foi obediente, crendo que, se Isaque morresse, Deus seria capaz de trazê-lo de volta à vida (Hb 11.19). Outro teste foi decidir o que fazer quando sua esposa Sara morreu, aos 127 anos de idade. Embora Deus tivesse prometido uma gigantesca extensão de terras (Gn 15.18), Abraão teve de comprar um terreno para enterrar a esposa, pois não tinha tomado posse de nenhum pedaço de propriedade. Como diz Hebreus, 11.13, ele morreu "sem receber o que tinha sido prometido [por Deus]".
Quando Deus falou, Abraão respondeu. Ele marchou adiante quando Deus lhe prometeu terras; ergueu um altar para oferecer o filho em sacrifício, e gastou dinheiro quando a esposa morreu. Não é de se admirar que, entre todos os heróis da fé narrados em Hebreus 11, o nome de Abraão esteja presente na maior parte dos versículos por ter sido um homem cheio de fé (Hb 11.8-19).

Vamos aprender com esse grande homem de Deus..

Que o Senhor nos abençoe!

Deivid Azevedo!

Jônatas - Um Homem que se Sacrificou por um Amigo

Olá gente.. Bom dia, boa tarde, boa noite, boa madrugada... Isso vai depender da hora que você resolveu dar uma visitada no Blog da Juventude Batista de Sumé (JUBASU), ou quem sabe caiu aqui por acaso.. Seja bem vindo!
A Paz do Senhor a todos vocês..
Hoje eu gostaria de comentar a respeito desse grande exemplo de amizade que vemos nas passagens sagradas do antigo testamento.. Você com certeza deve ter alguém em quem confia bastante, tendo como melhor amigo.. Porém vamos ver um pouco sobre essa amizade tão verdadeira que encontramos na Biblia...

Muitas amizades parecem sofrer de uma espécie de desequilíbrio - por um lado, mais entrega; por outro lado, mais demanda. No entanto, a amizade entre Jônatas e Davi era gratificante para ambas as partes. Dos dois, porém, Jônatas parece ser o que se sacrificou mais.
Jônatas era o filho de Saul e herdeiro do trono de Israel. Era um comandante militar competente, que liderou suas tropas à vitória contra uma guarnição (tropa) de filisteus em Geba. Em outra oportunidade, quando milhares de filisteus se reuniram para lutar contra o exército de Saul, Jônatas e seu escudeiro escalaram um penhasco e dominaram as sentinelas que tomavam conta do desfiladeiro matando vinte homens (1 Sm 14.11-12). Aquilo, além do terremoto que Deus providenciou, levou o exército dos filisteus a tal estado de pânico que eles acabaram se dispersando (1 Sm 14.16).
No entanto, o mais notável em relação a Jônatas era a sua amizade com Davi. Os dois se conheceram logo depois que Davi matou o gigante Golias e passou a viver no palácio. Jônatas não tinha ciumes do status de Davi na corte. Em vez disso, "surgiu tão grande amizade entre Jônatas e Davi que Jônatas tornou-se o seu melhor amigo" (1 Sm18.1).
Jônatas pagou caro por essa amizade. Seu pai, Saul, passou a sentir um ciume doentio por causa das vitórias militares de Davi, por isso tentou matá-lo (1 Sm 18.9-12; 19.9-10). Saul ficou ainda mais furioso quando Jônatas tentou defender Davi, por isso arremessou sua lança contra Jônatas (1 Sm 20.30-34). Jônatas, porém, não encarou essa atitude do pai com algo pessoal; ele estava mais "entristecido porque seu pai havia humilhado Davi" (1 Sm 20.34).
Por fim, Jônatas viu que Saul queria mesmo acabar com a vida de Davi. Depois de combinar um sinal por meio de uma flecha, ele alertou Davi sobre o risco que corria (1 Sm 20.10-42). Os dois perceberam que talvez nunca mais voltassem a se ver. Eles choraram ao se despedir (1 Sm 20.41).
A partir daquele dia, Davi se tornou um fugitivo. Mais tarde Jônatas seria morto quando acompanhava o pai em uma batalha (1 Sm 31.2). Davi ficou tão arrasado com a perda que escreveu uma canção fúnebre na qual descrevia tanto o amigo quanto seu perseguidor: "Saul e Jônatas, mui amados, nem na vida nem na morte foram separados. Eram mais ágeis que as águias, mais fortes que os leões" (2 Sm 1.23).

Há quem use e se aproveite dessas passagens para distorcer e afirmar que entre Jônatas e Davi havia uma relação homo-afetiva.. Mas não se deixe enganar pelo que você ouve ou lê por ai.. É preciso ter uma mente distorcida para enxergar qualquer coisa entre Davi e Jônatas além de amizade e afeição.

Que o Senhor te abençoe!

Deivid Azevedo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...